Escola Politécnica da USP

usp.br

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Ensino Graduação Formas de Ingresso Transferência Externa

Transferência Externa

Anualmente, a USP realiza o vestibular de transferência externa, do qual podem participar alunos de outras universidades brasileiras ou estrangeiras. O objetivo é preencher as vagas remanescentes nos diversos cursos disponíveis em suas unidades.
 
Provas anteriores:
* Disciplina Álgebra Linear não fazia parte do programa.

Quando ocorre: Uma vez por ano e em duas fases: a pré-seleção, de caráter geral, a cargo da FUVEST e a seleção, com base em conteúdos específicos, de responsabilidade das Unidades que participam do processo .

Como se inscrever: A inscrição para a primeira fase do processo seletivo deve ser feita no site da FUVEST. Os candidatos podem fazer apenas uma opção de curso e não são aceitas transferências para o primeiro ou para os dois últimos semestres de um curso.

Como é a seleção: Na primeira fase do processo, os candidatos são classificados em ordem decrescente de média ponderada geral, sendo convocados para a segunda fase os candidatos melhores classificados, na razão de 3 candidatos/vaga.

Na segunda fase, de responsabilidade da unidade, os alunos se submetem a um exame que contempla conteúdos básicos de Engenharia dos 1º e 2º semestres. A nota final, para efeito de classificação dos candidatos, é computada pela média aritmética entre o número de pontos da primeira fase e o número de pontos da segunda fase, previamente normalizados em uma única escala.

 

Efetivação

A transferência, cujo processo ocorre durante o ano, será efetivada para o primeiro período letivo do ano seguinte.

Outras normas

O aluno ingressante por processo de transferência deverá passar pelas adaptações curriculares necessárias ao acompanhamento do curso à que se transfere. Eventuais aproveitamento de estudos, serão analisados após o efetivo ingresso na Escola Politécnica.

As vagas remanescentes do processo de transferência externa serão disponibilizadas para o processo de seleção de candidatos portadores de diploma de curso superior.

Casos omissos nesta normalização serão analisados pela Comissão de Graduação da Escola Politécnica.